Skip to content

Category Archives: Uncategorized

a gaveta

Gazeta Rerranha nº 15 (um abraço armado do PRAViDA – Fodam-se os otários)
Edição Insunesquecível

A partida revolução Sussa não aquela de 1900 uns dizem 7 logo após-guerra dos sem-ânus sobre vivência virtual afirmou computador não ter cú nem coragem alguma dimplementar qualquer mudança da manivela ou inepisódio histórico desta dimensão ali deportados políticos [...]

temer a morte
meter te amor

uM ALLARME - hérésies artistiques
comme COMO tout TUDO ce qui est absolument BONITO, la poésie POESIA force l’admiration ADMIRAÇÃO; mais cette admiration sera lointaine, vague, - bête BURRA, elle sort de la foule MASSA. Grâce à cette sensation générale, une idée inouïe FANTÁSTICA et saugrenue ABSURDA germera dans les cervelles CÉREBROS, à savoir, qu’il est indispensable [...]

abolição da vaidade pessoal no ato de informar:

    As entidades de ensino (diga-se aqui em termos de teoria da informação: todos os veículos propulsores de comunicação) estão contaminadas pelo espírito de porco de um sistema econômico ridiculamente inescrupuloso, liderado pela classe inimiga colossal da classe trabalhadora. Os trabalhadores da informação não devem nada aos outros, exceto a LUTA, da qual fogem [...]

1h
um ano
humano
um mano
humildade
uma idade
humanimaldade
nos livrando da propriedade substituindo uso
Pesadelo guerras etc.
parte de uma estrutura político-econômica
 
moribunda
enQUANTO UM ser humano tiver
FOMETODA
humanidade terá fome

 
 
Para que o
amor
 
 
 
 
seja a
causa do
 
 
 
ódio

.

UM  BRILHÃO 
D’ESTRELAS

educação
aquilo
 
 
que
 
permanece
 
quando
 
se
 
esquece de
 
TUDO
 
que
 
se
 
 
aprende
 
na
 
escola

PRAViDA
o tempo é excasso, mãos à obra

 
abaixo o
 
orgasmo
 
viva a
ereção

dia da independencia do brejil

 
 
 
 
MUXURANA histórica

- Os primeiros fizeram
as escravas de nós:
nossas filhas roubavam,
logravam
e vendiam após.
 
TECUNA a s´embalar na rede e querendo sua independência
 
- Carimbavam as faces
bocetadas em flor,
altos seios carnudos,
pontudos,
onde há sestas de amor
 

 
Coro dos Índios
 
- Mas os tempos mudaram,
já não se anda mais nu:
hoje o padre que folga,
Que empolga,
vem conosco ao tatu.
 
Falando dos sepulcros, GOMES-DE-SOUSA, Dr. [...]

gazeta

Assegonha marrom barrada na portaria do heteroporto de congonhas se garreava e manifestação: É um absurdo olvidarem as palavras e-mudadas todas vítimas. Foice material celular encontrado na mão debandidos. Dançava quadrilha. De verdade a politicagência nunca encana com isso. Equanta pobrecância reclusada sem fileira nem manidade. Excedentíssimo senhor presidente da cummings dos deturpados, foi estuprada [...]

VIVOPRAVIDAOVIVOPRAVDALIFEALIVEPRALIFEPRAVIVOLIVEALIFEPRALIVEPRAVIDAFIGHTVIVOPRAVIDALIVE
ALIVEPRALIFEPRAVIVOLIVEALIFEALIVEPRAVIDAOVIVOPRAVDALIFEALIVEPRAPRALIFEPRAVIVOPRAVIDAOVIVO

free

every man
got to be
FREE

a única justificação que podemos dar
dos nossos conceitos
e sistemas de conceitos
é a de que eles servem
para representar o complexo
das nossas experiências
para além disto
não têm a menor legitimidade

pra humanidade acordar (acordar ereta, pronta pra tudo)
lavar o rosto na agua sagrada da pia e ir pro trabalho de construção
do mundo q está por vir é o sousândrade é a américa é o mané é o povo
e quem vier lutar pra fazer o mundo q não existe construir o q não existe
pravida é uma [...]

cansei

cansou?
-TAKE AN OVERDOSE

 
 
o peso de todo este mundo dedeus dedados dedalus que a mão do hominventou
 
nós estamos dentro
contra os

inimigosdonovo

inimigosdopovo

verdepertopravivermelhor
todos nós odiamos a guerra, mas todos a consideramos um meio revolucionário. não somos pacifistas e lutamos com paixão. a guerra, [...]

 
 
q o
tempo

cuspa as
 

balas
para
 
trás

CONTRA
TUDO :
 

vidiot

E = m c 2
um cogumelo in formação
varios por segui-lo
uma caralhada de toneladas de concreto
e a indigencia espiritual sem halo axial
a humanimaldade sem saco pra nada
usur’again
mas ter card era tudo pra eles
auroras de séculos poções de uma era
quantas e neurônios em networks e nós ainda pouco

e os muros

ainda branco s
não esperar demais
o cigarro [...]

                       o mundo não moverá mais um vento neste inferno q anda a vida
                                            大
no jogo de xadrez deste castelo de cartas o dever é

não saber q sabemos

o erro maior


não saber q somos do tamanho dos nossos sonhos
青門 [...]

 
SOMOS TODOS CUMPLICES
assinando mais de um milhão de 121 por dia
mais de mil 121 por piscada de olho
a humanidade que mata e nem sente
ludibriada pela responsabilidade limitada e anônima
pela democracia representativa e pela classe medíocre
mas aqui se faz e aqui se paga
se paga pela vida de merda que as sardinhas
apertadas nos vagões, as formigas que
andam [...]

PRAVIDA take one

PRAVIDA RIA DO MUNDO TODO
TOMADA DE ASSALTO JÁ
 
 
VOCÊ TRABALHADOR CAMARADA PRAViDA TÊM
 
P R A V i D A
 
separar aqueles que querem ver o mundo daqueles que apenas querem saber
EM QUE PARTE DO MUNDO ELES VIVEM

quem não está
N
U
P R A V i D A

 
está na privada

CONTRA TUDO: PRAViDA

contém
o germe da sua própria destruição
                                    q fique aqui qualquer suspeita
                                    q morra o q não cabe na vida